Mantendo o segredo de ótimos produtos RFID

Alguns provedores de soluções desenvolveram produtos excelentes, mas não planejaram nenhum orçamento para que o mundo soubesse sobre eles

Mark Roberti

Algumas semanas atrás, eu escrevi sobre a miopia das empresas que tentam implantar a identificação por radiofrequência (RFID) e outras tecnologias de Internet das Coisas (IoT) de forma barata e sem base. Porém, os fornecedores de soluções RFID também têm sido míopes com muita frequência.

Na semana passada, conversei com uma empresa que estava lançando uma nova solução RFID no mercado. Eles queriam falar comigo sobre como deveriam ser lançados no mercado. Mas aqui está o problema: depois de desenvolver e fabricar seu produto, eles não tinham mais fundos para marketing e promoção. Infelizmente, essa é mais a regra do que a exceção na indústria de RFID. Existem muitas empresas que têm bons produtos que não anunciam. As únicas pessoas que sabem sobre eles são os melhores integradores de sistemas RFID, que fazem seu dever de casa.

Mark Roberti

Em seu livro Escape Velocity, Geoffrey Moore escreveu que as empresas deveriam gastar no marketing de um novo produto o mesmo montante de dinheiro utilizado no seu desenvolvimento. Em outras palavras, se você fosse investir um milhão de dólares no design e na construção de seu produto, deveria gastar outro milhão para promovê-lo. Acho que nenhuma empresa de RFID já fez isso.

A propósito, Steve Jobs tirou 80% do orçamento de marketing dos desktops e laptops da Apple e os destinou ao novo iPod quando o produto foi lançado. Pode-se argumentar que esse movimento ousado deu início à transformação da Apple no rolo compressor que é hoje. Se ele tivesse investido apenas uma pequena quantia na promoção deste novo produto, é possível que a Apple ainda estivesse lutando para sobreviver, como estava quando Jobs voltou para a empresa.

É uma pena que as empresas do setor de RFID tenham adotado essa abordagem. Isso não apenas prejudica suas fortunas, mas muitas empresas fracassaram nos últimos 10 anos. Na semana passada, surgiram novidades sobre a Savi Technology, uma das empresas líderes em RFID e que entrou com pedido de falência. A Savi costumava fazer muito marketing e vendia sua solução RFID ativa para portos, fábricas e outras grandes instalações. Mas foi comprada por uma empresa maior que não fez nenhuma promoção e, eventualmente, foi vendida e deixada para morrer.

A falta de promoção também prejudica os usuários de tecnologia que compram produtos inferiores e descobrem que eles não funcionam bem o suficiente para agregar valor. Essas empresas acabam não usando uma boa solução RFID e, portanto, não obtendo os benefícios que a tecnologia pode oferecer. Suspeito que, em algum momento, uma nova empresa com boa tecnologia e boas habilidades de marketing será lançada, e que isso tomará de assalto o setor. Outras empresas realizarão trabalhos de marketing e farão o mesmo.

É o seu negócio que vai mudar o jogo?

Mark Roberti é o fundador e editor do RFID Journal.

- PUBLICIDADE -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here